quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Música alta!




Música alta....
Tanto que nem me ouço...
Tão forte que esqueço a fraqueza..
E o ritmo me contagia...
Nem vejo meu descompasso
Nem percebo meu medo de errar o passo
E ele nem existe mais ....
Não lembro de passos
Só faço... só me gingo.
E faço o meu passo.
Então eu posso chamá-lo de qualquer coisa que quiser
Porque é bem meu.
E nem tem ninguém pra ver
Você, meu passo, meu gingo, meu mimo
Você, que diz de mim, do meu jeito
Do meu olhar e das minhas vistas
A você, que quero me entregar
E soltar,
Levar leve...
Saltitar suave
E vislumbrar docemente
Muito ritmo, muita dança, muita esperança e
Muito riso..... no meu passo, meu mimo de vida!
'
Dois amigos queridos fizeram uma resposta a esse poema
Muito obrigada!

11 comentários:

Mr. Ziggy disse...

Isso, e de olhos fechados fica melhor ainda, sentir a música ressoar no seu corpo e fazer dele uma extensãp infinita dela. É um prazer inenarrável do qual compartilho com as janelas, a parede, o quarto, comigo! Amei os versps e me identifiquei com eles. Bjos!

Lucas disse...

:)

Fernando Locke disse...

Muityo bom! musica alta é oq há! bha, sentir o som no corpo, poder dançar sem ninguém ficar te oolhando, oh coisa boa! HAUHAUAHUAA! abraço!

Filipe Garcia disse...

Bárbara? Sinceramente? Mudar seu blog foi a melhor coisa que fez. Parece que tudo ficou mais leve do que já era.

E gostei do texto, da dança, dessa dupla que a gente busca, perde, reencontra e vai tropeçando por aí afora.

bjo

Juliana Caribé disse...

Música é bom demais. E concordo com o Renato: é só fechar os olhos, sentir no coração os acordes que os ouvidos percebem e deixar o vento te carregar.

Fernando Locke disse...

YO! to eu aqui novamente! se passar no meu blog terá um asurpresa,mas vá de vestido!vai ser uma boa cerimonia! abraço!

:: Daniel :: disse...

Música alta é o que há. No carro, tomando banho, no quarto que eu faço de palco pra dançar. Sempre é bom.

E concordo com todos: dançar de olhos fechados. Sentir a música de olhos fechados. De preferência, cantando a letra -- seja ela a sua ou a da própria música.

Beijos, moça!
Daniel

Alberto Vieira disse...

oi Bárbara!!

Gostei tanto , mas tanto!!!

Também resolvi responder seu texto!

confira lá.

Cadinho RoCo disse...

Passos na dança em versos extraídos das alturas da musica que envolve tudo.
Cadinho RoCo

Rafael disse...

Agora só que eu vi o selo. Olha, muito, muito obrigado.
Já está lá. =)
E música alta é quase um estado de espírito.

J.S. disse...

Eu sempre me deixo contagiar pelos ritmos...
ah...adorei sua nova 'roupagem'
um beijo, menina